Entenda as diferentes técnicas de meditação - Meditação Transcendental

Entenda as diferentes técnicas de meditação

Entenda as diferentes técnicas de meditação

POR DAVID W. ORME-JOHNSON, PH.D.

Como um dos principais investigadores mundiais da técnica de Meditação Transcendental, com mais de 100 publicações em revistas científicas analisadas por pares, o Dr. Orme-Johnson apresentou a investigação sobre a MT em mais de 56 países, quer em conferências científicas quer a governos de países, quer às próprias Nações Unidas.

Pergunta: Em que medida a técnica da Meditação Transcendental (MT) difere da Mindfulness?

Dr. Orme-Johnson: essencialmente, o objetivo de todas as técnicas de meditação é conseguir uma vida feliz, bem sucedida, com menos stress e mais realizadora — sentirmo-nos mais próximos da inteligência organizadora da natureza, e ter uma noite bem dormida!
Os cientistas identificaram três categorias básicas de meditação, diferentes na respetiva prática, nos seus efeitos imediatos na mente e no corpo, e nos seus resultados para a vida diária. Estas categorias meditativas denominam-se em: Atenção Concentrada, Monitoramento Aberto, e Auto-Transcendência Automática. A Mindfulness envolve tanto a Atenção Concentrada como o Monitoramento Aberto. A Meditação Transcendental está na categoria da Auto-Transcendência Automática. veja a diferença entre Meditação Transcendental e Mindfulness

Atenção Concentrada

Tal como o nome implica, a Atenção Concentrada envolve o foco da atenção num único objeto, pensamento ou processo fisiológico. Por exemplo, alguns programas de Mindfulness começam por concentrar a Atenção no fluxo para dentro e para fora da respiração. A ideia é treinar a mente a concentrar-se de forma mais intensa durante a prática, para que na atividade diária se tenha mais foco.

Monitoramento Aberto

O Monitoramento Aberto lida com outro aspecto, que é como gerir o estresse e como é que o estresse afeta nossa percepção do mundo. Todos nós já experimentámos situações em que estamos no local mais belo do mundo, vendo um pôr do sol sobre o Grand Canyon, por exemplo, mas por estarmos ansiosos ou deprimidos, esse estado de espírito estraga totalmente a nossa experiência. A nossa história de condicionamento, os nossos estresses, a nossa bagagem distorce a forma como experimentamos a vida, face ao que está verdadeiramente acontecendo.
O Monitoramento Aberto é uma prática meditativa que tenta gerir os nossos estresses treinando-nos a não lhes responder de forma emocional. O praticante monitora seus pensamentos e treina uma atitude de não julgamento. Por exemplo, se surgir um pensamento de raiva, a pessoa tenta ficar calma e ser neutra a ele. Ou pode pensar para si mesma, “Estou tendo estes pensamentos, mas eles não sou eu.” Estas técnicas podem ser praticadas tanto durante a atividade como com os olhos fechados, e ajudam a gerir o estresse.

Meditação Transcendental = Auto-Transcendência Automática

A técnica da Meditação Transcendental adota uma abordagem diferente para lidar com os estresses, que consiste em eliminar a sua base fisiológica ao invés de tentar gerir o estresse. Com o uso sem esforço do mantra, a mente repousa automaticamente numa condição fisiológica de repouso profundo, despertar interior, e coerência cerebral aumentada. Este estado de alerta em repouso pleno é diferente dos estados de consciência de vigília (acordados), de sonho ou sono.
A MT não envolve esforço porque trabalha com base na tendência natural da mente, que é ser atraída automaticamente por coisas mais bonitas, confortáveis e interessantes, essa é uma característica natural de todo ser pensante. Por estas razões, a prática da MT é caracterizada como Auto-Transcendência Automática.

A sabedoria do corpo

Os estresses, que limitam a capacidade de desfrutar a vida, devem-se a uma pressão excessiva de muitas demandas de uma vida moderna tão intensa. Eles criam anomalias estruturais ou funcionais no sistema nervoso. A bagagem que carregamos conosco é composta por estes estresses armazenados no corpo. Mas seria virtualmente impossível localizar e eliminar cada um destes individualmente, mesmo que soubéssemos como o fazer — o que não sabemos.
Felizmente, a sabedoria do corpo pode fazê-lo. Na terminologia científica, esta sabedoria é composta pelas inumeráveis voltas homeostáticas interligadas de feedback que estão constantemente a detectar e a corrigir os desequilíbrios do corpo, nomeadamente, na nossa pressão sanguínea, na temperatura, no
pH do sangue, níveis de insulina, danos nos tecidos, níveis hormonais e muitos outros.
À medida que os desequilíbrios são detectados, os mecanismos de auto-correção do corpo entram em ação de forma automática e inconsciente para restabelecer o equilíbrio do sistema e criar um estado ideal de homeostase e saúde. Quando ficamos doentes, para além de outras coisas que o médico nos diga para fazer, quase sempre ele diz: “repouse” pois o repouso permite que estes mecanismos de auto-cura façam o seu trabalho de forma mais eficaz.

De que modo o Alerta em Repouso Ajuda a Eliminar o Estresse

Com a Meditação Transcendental acrescentamos (não substituímos) períodos de alerta em repouso aos ciclos normais de vigília, sono e sonho. O alerta em repouso tem uma fisiologia diferente destes três estados, e é um suplemento ao poder de cura do corpo. Devido às suas características neurofisiológicas únicas, o estado de alerta em repouso constitui um quarto estado de consciência — Consciência Transcendental. O aumento da coerência cerebral durante a prática da MT mostra um alto grau de conectividade e coordenação entre as áreas corticais do cérebro, que parece facilitar o processo de auto-cura do corpo.
Este efeito de melhor saúde foi demonstrado em estatísticas de seguros de saúde. Um estudo com 2.000 meditantes transcendentais ao longo de um período de cinco anos mostrou que eles tinham taxas de hospitalização mais baixas em todas as categorias de doença, 50% em média, mais baixas. O número de dias que estiveram no hospital foram 30% por cento menor, uma indicação de que a prática da MT acelera os processos normais de cura.

Três Tipos de Meditação

A Atenção Concentrada e o Monitoramento Aberto operam no nível ativo da mente e requerem um certo nível de esforço mental. A técnica da Meditação Transcendental permite que a mente transcenda sem esforço e espontaneamente para níveis mais quietos e sutis experimentando a mente silenciosa, o quarto estado de consciência, Consciência Transcendental.
A investigação no campo da psicologia, mostra que a prática da MT é a meditação ou técnica de relaxamento mais eficaz na redução da ansiedade. Outros estudos mostram que reduz também a depressão e a hostilidade. Outros estudos mostram que os praticantes da Meditação Transcendental percebem o mundo de forma mais positiva, e que a MT é o meio mais eficaz para adquirir auto-realização.
Estas conclusões sugerem que a prática da MT proporciona, sem esforço, os mesmos benefícios do Monitoramento Aberto, que é o de gerir respostas emocionais. Ajuda também as pessoas a atingirem sem esforço o objetivo da Atenção Concentrada, que é o aumento do Foco.

Efeitos Sem Esforço na Atividade

O objetivo último de todas as técnicas de meditação é o de nos ajudar a desfrutar o mundo de uma forma nova, a viver cada momento precioso de forma plena, sem os impedimentos impostos pelo estresse. As diferentes abordagens funcionam através de mecanismos diferentes e são eficazes de formas diferentes.
A Atenção Concentrada e o Monitoramento Aberto são técnicas cognitivas, que nos permitem praticar os objetivos que pretendemos atingir.  Se queremos ser mais concentrados, praticamos a concentração. Se queremos gerir os nossos estresses, praticamos o Monitoramento Aberto.
As técnicas de Mindfulness, que envolvem estas duas abordagens, requerem vários graus de controle mental. Como resultado, muitas pessoas acham-nas muito difíceis.
Ao contrário, a técnica de MT cria sem esforço um estado de alerta em repouso. Este estado permite que o corpo repare as consequências do estresse de forma natural e de dentro para fora, mantendo seus efeitos nas atividades diárias, proporcionando mais repouso e um nível superior de integração cerebral. Isto nos permite ser mais focados e livres do estresse, vivendo a vida de forma plena e mais alegre.

Referências
1. Travis FT, Shear J. Focused attention, open monitoring and automatic self-transcending: Categories to organize meditations from Vedic, Buddhist and Chinese traditions. Consciousness and Cognition2010;19(4):1110-1118.
2. Orme-Johnson DW. Medical care utilization and the Transcendental Meditation program. Psychosomatic Medicine 1987;49:493-507.
3. Eppley K, Abrams AI, Shear J. Differential effects of relaxation techniques on trait anxiety: A meta-analysis. Journal of Clinical Psychology 1989;45(6):957–974.
4. Orme-Johnson DW, Barnes VA. Effects of the Transcendental Meditation technique on trait anxiety: A meta-analysis of randomized controlled trials. Journal of Alternative and Complementary Medicine2013;20(5):330-341.
5. Sheppard WD, Staggers F, Johns L. The effects of a stress management program in a high security government agency. Anxiety, Stress, and Coping 1997;10(4):341-350.
6. Abrams A, Siegel L. The Transcendental Meditation program and rehabilitation at Folsom State Prison: A cross-validation study. Criminal Justice and Behaviour 1978;5:3-20.
7. Gelderloos P, Goddard PHI, Ahlstrom HH, Jacoby R. Cognitive orientation towards positive values in advanced participants of the TM and TM-Sidhi programs. Perceptual Motor Skills 1987;64:1003-1012.
8. Alexander CN, Rainforth MV, Gelderloos P. Transcendental Meditation, Self-Actualization and Psychological Health: A Conceptual Overview and Statistical Meta-Analysis. Journal of Social Behavior and Personality 1991;6(5):189-247.
9. So KT, Orme-Johnson DW. Three randomized experiments on the holistic longitudinal effects of the Transcendental Meditation technique on cognition. Intelligence 2001;29(5):419-440.
TRENDING VIDEOMaharishi at Lake Louise, Inner Life and the Mind

Artigos Relacionados